quinta-feira, 21 de julho de 2011

Férias da corrida ou corrida nas férias


Quando as pessoas me perguntam se as corridas estão de férias, costumo brincar e dizer que mesmo quando tiro uns dias, tenho por hábito levar as pernas comigo. Por essa razão, a ausência aqui no blog tem mais que ver com redução de tempo em frente ao computador para aproveitar o que há lá fora, a par do desvio da escrita para outros projectos, do que propriamente uma folga extra para os ténis.

Com o objectivo de correr uma maratona antes do final do ano, comecei agora um plano de treino que me irá levar até Novembro/Dezembro, meses previstos para chegar a essa montanha em distância. Um plano flexível, porque vivemos numa época de horários escorregadios, mas exigente o suficiente para não dormir à sombra da bananeira.

Para já, enquanto o tempo é bom e os dias grandes, sempre que ando de carro ou vou para fora, levo o equipamento e os ténis na bagageira. Por exemplo, no último fim de semana isso proporcionou uns belos kms em corrida ao fim do dia em terras algarvias, passando por Altura e Cacela e dando-me a oportunidade de conhecer um percurso muito longe das minhas rotas habituais.

Já o calor, ao fim de semana, em dias de corrida longa, serve apenas de aviso que, tudo o que seja corrida de 1 hora para cima não convém que acabe muito depois das dez da manhã.

Sem comentários:

Enviar um comentário